Blog Life Search
Grávidas podem viajar seguindo alguns cuidados

Grávidas podem viajar seguindo alguns cuidados

Quando tem feriado à vista, logo uma viagem vem à cabeça. E nessas horas as grávidas se perguntam: será que eu posso? Viajar durante a gravidez não é contraindicado, mas é preciso adotar alguns cuidados. Leia 10 dicas importantes que separamos para você:

1- É mais seguro viajar de avião entre o 3º e o 7º mês – de preferência até a 32ª semana. Após o período citado, há o risco de entrar em trabalho de parto durante o voo.

2- As mamães com gestações múltiplas (dois ou mais bebês) devem tomar ainda mais cuidado. Elas não devem voar a partir da 28ª semana.

3- Grávidas têm mais necessidade de urinar. Escolha um assento no corredor e próximo ao banheiro do transporte.

4- Ficar muito tempo na mesma posição é contraindicado. Para não inchar, use meias de média compressão (saiba a ideal com o seu médico) e faça exercícios com as pernas enquanto estiver sentada.

5- Se a viagem for terrestre, faça paradas ao menos a cada 2 horas para andar um pouco, ir ao sanitário e se alimentar de forma leve.

6- Sempre use o cinto de segurança para evitar choques na barriga (o que pode ser bastante perigoso). Coloque o cinto abaixo da barriga.

7- Sobre as bebidas, tome um litro de água para cada 6 horas de viagem. Evite chá, café e refrigerante de cola, pois aumentam a vontade de urinar (diuréticas) e o excesso de cafeína não é saudável.

8- Cuidado com malas pesadas! Peça para outra pessoa para carregar se não for de rodinhas. Atenção também ao peso da bolsa de mão.

9- Divirta-se mantendo uma alimentação regular e um bom ritmo de sono. Beba água com frequência, use filtro solar e repelente (indicado pelo médico). Corte do seu roteiro: cavalgadas, tobogãs, passeios de moto e esportes radicais.

10- Leve remédios básicos, principalmente se for para outro país. Lembre-se de tomar apenas os previamente liberados pelo médico.

 

VIAGEM DE AVIÃO

Outra dúvida comum é sobre voar. As gestantes não podem viajar de avião? Mito. Se o médico autorizou a viagem, a grávida pode voar sim! No entanto, no último mês de gravidez, o ideal é não fazer muita extravagância. Afinal, o bebê pode querer nascer sobre as nuvens e o avião será obrigado a fazer um pouso de emergência. Então, nesse caso, é melhor não arriscar, não é mesmo?!

 

INÍCIO DA GRAVIDEZ

E o temido primeiro trimestre? Pode viajar neste período? Depende de cada paciente. Os cuidados tomados antes da gravidez e no início do primeiro trimestre são importantes para ajudar a evitar os abortos que são mais comuns nesta época da gravidez. A realização de exames, a suplementação de ácido fólico e atualização das vacinas é importante para uma gravidez saudável. Em casos específicos pode ser necessário cuidados especiais como restrição de atividades físicas ou reposição de determinados hormônios. Antes de embarcar ou colocar o pé na estrada, consulte seu médico.

 

USE REPELENTE

Para acertar na escolha do repelente, as futuras mamães devem seguir a orientação do Ministério da Saúde e escolher um produto à base de uma destas três substâncias: icaridina, IR3535 (etil butilacetilaminopropionato) ou DEET (dietiltoluamida). Elas são capazes de afastar o mosquito Aedes aegypti (vetor das doenças dengue, chikungunya e zika) e não vão fazer mal para o bebê. Antes de aplicar qualquer produto, aconselhe-se com o seu médico. No verão, a incidência dos mosquitos é imensa. Não corra riscos, proteja-se e evite viajar para áreas de epidemia de doenças que podem afetar o bebê. Consulte seu médico.

 

ATIVIDADES AQUÁTICAS

Desde que não haja grande esforço físico, as grávidas podem entrar em praias tranquilas e piscinas. Atividade aquática é uma ótima opção para as gestantes! Confira abaixo os principais benefícios:

– Alivia o peso extra da gestação

– Auxilia no controle da respiração

– Melhora a circulação sanguínea

Mas nada de se arriscar em águas profundas, agitadas ou poluídas.

 

ESPORTES E PARQUES

Durante a gravidez, é bom evitar os exercícios de grande impacto, como esportes radicais. Cuidado com as idas em parques. Atividades intensas podem causar dores ou até mesmo prejudicar o desenvolvimento do bebê. Além disso, para evitar possíveis quedas, os esportes com bola (futebol, vôlei) e andar de bicicleta devem ser evitados, principalmente no final da gravidez.

Lembre-se que as orientações contidas aqui (e em qualquer outra fonte) devem ser discutidas com o seu ginecologista/obstetra. Boa viagem! Você sabia que nossa mente pode afetar o funcionamento do nosso corpo? Então aproveite os feriados e fins de semana e relaxe!

 

Direitos reservados Life Search
Warning: Use of undefined constant Y - assumed 'Y' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/storage/d/b2/a5/lifesearch/public_html/wp-content/themes/lifeSearch/footer.php on line 259
2021.